O Cabelo de Maria Casadevall

agosto 16, 2013

Boa noite, gente. Bom, vim aqui contar sobre como os meus cabelos chegaram no corte parecido com o da mocinha da foto. Pra quem não sabe, ela é a Maria Casadevall, namorada enrolada do boy magia Caio Castro na novela "Amor à Vida" (e há boatos de que isso acontece fora das telas também, hm). Começando com a minha saga, posso dizer pra vocês que o meu pixaco era comprido. Sim, gatinhas! Meu cabelo batia abaixo do peito e era preto azulado. Comecei a mexer nos meus cabelos com uns 16 anos, quando comecei a colorí-lo com tonalizante preto enquanto a definitiva rolava solta nos fios. Adorava cabelões de cigana e não abria mão de tê-los. Continuei com o processo até meados dos meus 17 anos, onde fiz uma burrada federal. O quê? Passei tinta junto com a escova definitiva. Ok, eu poderia estar careca agora, numa cena digna de Carolina Dieckman (já que a Marina Ruy Barbosa não quis, ou não quiseram por ela...), mas ainda bem que não estou. Só que essa química me deixou com as madeixas feito vassoura de bruxa. Só que eu, no caso, caí da vassoura, né! Tentei fórmulas mágicas e loucas para deixar meu cabelo em ordem e nada fazia o querido parar de cair. Quan eu digo cair, não pense em longos pedaços de cabelo no chão. Não! Eram apenas "barbinhas" que decoravam minhas peças de roupa. Aparentemente nada alarmante, mas isso me incomodava demais. Ou seja, meus cabelos estavam podrinhos. Pontas duplas s2 hair da Biazinha. Como havia dito, tentei de várias formas conseguir conquistar um cabelo saudável, mas nada adiantava. Então pensei, logo no começo deste ano, que já estava na hora de radicalizar. Meus cabelos estavam velhos e clamando por uma tesourinha. Muitas meninas tem um apego realmente louco com os cabelos. Não digo que não tenho, mas quando eu coloco algo na cabeça, só tiro quando realizo. So, coloquei duas coisas insanas na cabeça: cabelos curtos e/ou ruivos. Sem muitas delongas, tudo começou quando minha mãe estava fazendo escova em mim e comentou sobre a força dos cabelos curtos nas novelas globais. Eu meio que fiquei quieta, já que não vejo novelas (por falta de tempo, rs). Parei e pensei, já com a ideia fixa na cabeça (e nos cabelos). Logo disparei para a mamãe: Corta! Ela relutou com a ideia, mas ao ver o estado do meu coitadinho, não hesitou em pegar a tesoura. No final, meu cabelo ficou ao estilo long bob: mediano, no ombro e repicado sutil. De primeira eu não curti. Não pensem que eu não curti por estar curto e sim por não estar curto o suficiente. Fiz um babyliss e fui desfilar na cidade com o pixaco novo. Digamos que por uma semana, até eu resolver marcar um dia no salão pra REPICAR. Falei que queria tipo o da Dani Bolina e saí de lá com o corte da Sophie Charlotte. Adorei! Cheguei em casa e cortei minha franja acima da sobrancelha pra fazer a louca mesmo. Postei uma foto no instagram da minha mudança e, foi aí que me batizaram como "a menina da novela". Eu não fazia ideia de quem era até que a minha mãe me chamou pra eu me ver na novela. Fui à uma festa revival e uma mulher me parou no banheiro identificando a semelhança com a "namorada do Michel" e por aí foram várias pessoas fazendo essas comparações divas com a Maria Casadevall. Eu particularmente amei o corte justamente por ser moderno e bem singular. Hoje em dia é difícil tomar uma atitude como essas e jamais me arrependi. Me sinto feminina e cheia de atitude! Espero que curtam esse post nada gande :P

Leia Também

0 Pichadas